Campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada até 15 de junho

32294579_1798937236793892_6732875752087224320_n.jpg

Programada para terminar nessa sexta-feira, 01 de junho, a campanha de vacinação contra a gripe foi prorrogada por mais 15 dias. A decisão foi motivada pelos efeitos da paralisação dos caminhoneiros no atendimento em saúde. 

 

A Secretária de Saúde, Jackiele Bezerra, informou que quem ainda não se vacinou e está no grupo prioritário, deve passar no posto de atendimento mais próximo para tomar a dose da vacina.

 

O público-alvo da campanha inclui idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a cinco anos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres em até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.

 

De acordo com os últimos dados do ministério da saúde, a campanha imunizou 35,6 milhões de pessoas, o que equivale a 66% do público-alvo. Para atingir a meta de imunizar 54,4 milhões de pessoas, o governo espera, com a prorrogação da campanha, vacinar os 18,8 milhões de brasileiros e brasileiras que ainda não receberam a dose da vacina.